terça-feira, 8 de dezembro de 2009

UM CONTO

PORQUE ESTAMOS QUASE NO NATAL A menina ficou sentada,
nas mãos um livro de histórias,
que a encantava, e levava
pra terra das aventuras.

Com elas viajava,
e conhecia outros mundos,
os mundos da fantasia,
sabia bem descobri-los.

Poder viver outras vidas,
por ela já sonhadas
muitas vezes acordada,
e quantas vezes pensadas.

Era tão bom conhecer
outras gentes,
desenvolver sua mente,
brincar, mesmo em pensamento,
no mundo de outro ser
com o mesmo sentimento.

dar as mãos,
e através de um livro,
tocar em alguém
e com ele viver outra vida,

outra vida,
que não era a sua
mas no mundo da fantasia

tudo podia acontecer.

Enquanto o livro estava a ver,
e nele se deixava perder
fechar o livro e adormecer
mas continuar sempre a sonhar.

Isabel Cabral


Poema publicado em 2008

22 comentários:

Tentativas Poemáticas disse...

A menina do quadro a desfolhar um livro transportou-me a uma realidade bem diferente, ou seja: vi uma menina a abrir um "Magalhães" ou uma Play Station.
O livro será eterno!!!
Parabéns por esta publicação tão bonita.
Beijinos
António

ematejoca disse...

Quando era criança também eu desfolhava muitos livros como a menina bonita do quadro.
Hoje em dia só sei abrir "o meu Magalhães" ou a minha Play Station.
Mudam-se os tempos, mudam-se as idéias!!!

Helena Paixão disse...

"Poder viver outras vidas,
por ela já sonhadas
muitas vezes acordada,
e quantas vezes pensadas."

... a perfeita explicação porque desde que sei ler não dispenso um bom livro à cabeceira.

Adorei este teu conto que me fez "voar" até à infância.

Bjinhos :-)

Licas disse...

E ... digamos em abono da verdade.
Não podemos afirmar que meninas como nós sãio melhores ou mais sábias que aquelas que navegam no Magalhães.
Tudo é bom desde que realizado com amor e disciplina.
Sem o livro não se interpreta o Magalhães. Sem este não se compreende a vida de hoje.
Que os dois dêm as mãos e caminhem lado a lado.
A Vida não pára.
Licas

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor e Eu Hoje! querem presentear os amigos.

Serão sorteados:

6 pacotes com curso de inglês Quick English + boné + camisa + meia + chaveiro + pochete, tudo com a bandeira do Canadá.


6 Layouts feitos pela Lelinha, da Fábrica de Layouts [Os modelos são mais simples, 2 colunas, com o topo decorado (de acordo com o tema/clima do blog de cada uma das vencedoras, ou seja, apesar do modelo ser mais simples, será exclusivo) e um background (fundo) colorido. No topo conterá uma referência ao blog Néctar da Flor e site Eu Hoje! , pequena do ladinho que mais for conveniente.]

1 tela 25x 25 da Artista Plástica ADiniz

[surpresa]

Por que Canadá? Porque uma parte da Equipe trabalha de lá, fazendo o humor porreta pras bandas da Alegria melhorar. O site Eu Hoje! já está fazendo parte dos melhores blogs do Brasil, então não fique sem essa animação e atualize seu humor todos os dias, mostrando para quem acessa o seu estado de espírito.

Como faz para participar? Leiam as regras abaixo e sigam as
instruções corretamente.

ATENÇÃO: Só será validado o blog que fizer todas as instruções corretamente.

1 - Se cadastrar no pacote gratuito do EuHoje!
2 - Deixar um comentário no Néctar da Flor avisando que se cadastrou e que está participando da promoção.
3 - Colocar o humor no seu blog.
4 - Postar sobre a promoção no próprio blog
5 - Quem já for cadastrado no Eu Hoje! só informa o nome do blog e retorne para o item 4.

O sorteio será realizado pelo RANDOM e filmado. Os 6 primeiros ganharão os livros e depois mais 6 serão sorteados para ganhar o layout, onde o 13º ganhador levará a tela.

Mostrem que a emoção realmente vale a pena!

Corra lá e faça já a sua inscrição!



Clica aqui: http://www.euhoje.com/



Beijos jogados no ar, sempre!



-

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Se não fosse o sorriso no rosto diante às coisas malucas que temos que resolver, seria tudo mais difícil. Então coloque mesmo esse sorriso e que essa menina nunca deixe de sonhar os livros.

até mais.

Jota Cê

Marta disse...

E sonhar, encantar com os livros...
Sempre....num voo até ao centro do coração....
Também não dispenso um bom livro..
Obrigada pela visita
Beijos e abraços
Marta

Licas disse...

Olá Isabelinha
Tenho vindo sempre que posso. Realmente muito menos que anteriormente, mas tenho estado muitísimo ocupada com a preparação do Natal dos nossos utentes. Além disso os netos também me preenchem grande parte do tempo. Chego à noite ... Só me apetece sentar, ver um ou outro programa (até metade porque geralmente ... adormeço).
Agora principiaram os almoços e jantares natalícios também. São muito agradáveis, mas cansativos porque se aglomeram todos nesta altura.
Mal tenha um pouquinho livre ligo-lhe para falarmos um pouco ... PROMETO.
Até lá continue a deliciar-nos com estas histórias lindas que de uma forma ou outra fazem parte do nosso imaginário infantil.
Beijinhos
Licas

AFRICA EM POESIA disse...

ISABEL

Deixo com carinho.
é do melhor do meu livro MAGIA DE NATAL...

O DIA LONGO


O novo dia nunca mais chega...
Acordei cheia de impaciência...
Ouvi dizer...
Amanhã é Natal...
É um dia de Amor...
Acordei...
Para ver o que se passaria...
E olhei o céu...
Era igual ao céu de ontém...
E olhei o sol...
Como ontem...
O sol estava escondido...
E fui procurando...

Para mim...
Nada de novo...
Não via o Natal...


A minha casa...
Continuava igual...
As janelas...
Tinham os mesmos vidros...
Velhos e partidos...
A porta...
No fundo...
Com os mesmos buracos...
Onde os ratos
Entravam...
Sem pedirem licença...

Voltei a olhar...

E o Natal...
Afinal onde estava?
Procurei debaixo
Da grande pedra...
Na berma da estrada...
E não encontrei nada...

Depois fui a casa...
E trouxe um pão...
Pão simples, mas bom...
Quando...
Dei uma dentadinha
Com os meus dentinhos...
Pequeninos...
Vi um menino...
Pequenino como eu...
Com os olhos abertos...
A olhar o meu pão...

Nesse momento...
Senti que gostaria...
Que fosse meu irmão...

Peguei no meu pão
Dei-lhe metade...
Demos as mãos...
Caminhamos pela estrada
E
Uns anos mais tarde...
Entendi...
Que nesse dia...
Tinha sido NATAL...

LILI LARANJO

Lilazdavioleta disse...

Isabel ,
lindo !
Magia e livros dois pilares da vida .

Um beijo,

Maria

Viviana disse...

Olá Isabel

A imagem encantou-me.

Que linda é!

O poema, nascido do seu sentir, da sua alma bela e suave...só poderia mesmo tocar-nos e provocar em nós uma agradável sensação.

Gostei muito.

Obrigada, boa amiga.

Um abraço

viviana

BC disse...

Lili, foi um dia longo, mas um dia longo que se revelou mágico no fimparaq as duas crianças.

Quando os meninos descobriram que no fim de uma longa caminhada se tinha revelado que aquele dia especial, tinha sido de facto Um Dia de Natal.
Beijinhos e mais uma vez parabéns pelo livro.
Isabel

Vieira Calado disse...

Livros!

A que se dá tão pouca importância... neste país

agora, pelo Natal, que se oferecerecem tantas inutilidades.

Bom fim de semana,

Bjs

Raul Martins disse...

Bem gostaria que o livro da vida fosse composto de mil sonhos de todas as cores e a paz fosse uma realidade. Mas continuemos a acreditar na aventura da paz e do Natal.
.
Abraço tribal

Licas disse...

Isabel
Não percebo mesmo porque não entram os meus comentários.
Faco-os com frequência.
Veja o que se passa, pois dou conta que entram de todos os nossos amigos.
Beijinhos e bom fim de semana
Licas

Licas disse...

Ou será que é o proprietário que não aprova os comentários????

Anjo Negro disse...

olá...

olha eu não me esqueci de ti.. sabes disso =) tenho andadoé com muita coisa para fazer e o meu blog tem ficado para traz.

Ando com muita coisapara fazer, muito trabalhos, muitas frequencias.

bjs

Marta Vasil disse...

Isabelita

Que bem escreveste o quanto um livro nos afaga, nos transporta para além do que somos, vimos e ouvimos... E agora que estamos quase no Natal,altura das desmesuradas prendas, é pena que o livro não seja prenda de eleição, é pena que seja substituído por alguns brinquedos que em nada ajudam a criança a crescer, a inventar-se, a imaginar-se noutros mundos, sobretudo, mundos de fantasia, de deleite, de sonho...

Um beijinho

Margarida Fernandes disse...

Lamento muito que as crianças e adolescentes de hoje não tenham gosto pela leitura.
Não sabem, salvo raríssimas excepções, o que é o sonho através da leitura.

Parabéns pelo seu blog.

Vou voltar.

Conceição disse...

Olá, em primeiro lugar quero dizer que tem uns poemas muito giros no seu blog, gostei muito embora não tenha o devido tempo para o apreciar como seria necessário. Quero agradecer ter visitado o blog do David e o facto de ter resolvido acompanhar-nos nesta nossa jornada. Obrigado

Maria Emília disse...

Singelo e bonito este poema, Isabel. Às crianças o dom de continuar a sonhar mesmo com a história acabada e o livro fechado. Deixemos sonhar a criança que existe em nós.
Um beijinho,
Maria Emília

BC disse...

Minha amiguinha Licas, já está explicado tudo no seu blogue,explicado o que não se explica.
Qual será o problema????
Beijinhos muito muito grandes