segunda-feira, 8 de junho de 2009

DESAFIO

Um grande lapso meu, mas ainda estou a tempo de remediar. Tirava a fome do mundo, para sempre!!!


Manter toda a família unida, e fazer de um minuto, toda uma vida!!!


Viver este momento infinitamente, porque gravidez é das coisas mais sublimes da vida e uma honra concedida à mulher!!!


Voltar à infância ,brincar, sonhar e abraçar os amigos!!!

Num beijo fundir um grande amor e prolongá-lo pela vida fora!!!

Sentir uma mão amiga bem apertada num momento que nunca acabasse!!!
DESAFIO LANÇADO PELA TERESA "EMATEJOCA AZUL"

QUE CONSISTE EM : Escolher 5 situações da vida que quisessemos ver prolongadas, eu sei contar mas estendo a mais uma que acho imperdoável ter esquecido.

isabel



9 comentários:

Fátima disse...

Que desejos tão sublimes :)

BC disse...

Fátima obrigada pela visita, acrescentei algo que não perdoaria a mim própria esquecer apesar disto ser só e apenas um desafio, mas interessante.

Estas coisas fazem-nos pensar pelo menos enquanto estamos a fazê-las, mas há coisas que eu cá em casa por incrível que pareça todos os dias falo, por uma ou outra razão.
Beijinhos

ARTISTA MALDITO disse...

Olá Isabelita

A família sempre como a âncora da sua vida.

Hoje estou igual ao tempo, chove e eu a cair de sono.

Beijinhos
Isabel

BC disse...

A família para mim é fundamental.
Os meus filhos, o meu pai, os meus irmãos, os tios os primos, e os que já cá não estão continuam a marcar presença na minha vida.

Por cá não chove,amanhã vou até ao pai que faz anos no dia de Camões.

I'm very tired, da inconstância das pessoas,não tem nada a ver consigo, apenas um desabafo que me ocorreu agora, e como publiquei nos SORRISOS há coisas que me fazem pensar e me desconcertam.
Beijinhos

Tentativas Poemáticas disse...

Querida amiga Isabelita
O Desafio lançado pela Teresa pareceu-me, de início, sem interesse, banal. A Isabel deu-lhe bem a volta, sem dúvida. São só cinco mas muito fortes essas imagens para serem passadas, em câmara lenta...
Já publiquei a minha resposta ao Desafio, porém, em forma de brincadeira apimentada, porque as agruras da vida obrigam-me a brincar para não sucumbir.
Beijinho com muita ternura.
António

BC disse...

Caro António,
na vida, muitas vezes para não sucumbirmos às agruras da vida teremos que ser persistentes fiéis às nossas convicções e à nossa maneira de ser, embora isso por vezes nos traga dissabores.

Não são os coerentes, os solidários os transparentes que vencem, esses geralmente levam uma vida inteira a lutar.

O mundo foi feito para os outros, por isso só nos resta continuar a sonhar e a acreditar que existem ainda pessoas iguais a nós (estou a falar de mim)quem se sentir assim terá que lutar até ser reconhecido,mas é tão gratificante saber que há tantos amigos, tanta família do nosso lado, tudo o resto são passagens, momentos, uns
bons, outros maus, mas sempre feitos pelas pessoas.
Um beijo e não pense que vai sucumbir, momentos de desalento todos temos.
Um beijo para si
Isabel

Vieira Calado disse...

Venho desejar-lhe um boa quadra
feriada, com o bom do Santo António, à mistura.

Beijinhosss

EMA disse...

Muito obrigada, Isabel, por ter aceite este desafio.

Há imenso tempo, que tenho este desafio da LopesCa guardado na gaveta.
Como sabia, que as recordações da minha Mãe eram a minha resposta, e que ficava de novo cheia de tristeza, andei sempre a adiar para o publicar no "ematejoca azul"

Eu não acho estes desafios banais, pelo contrário, quando se é sincera nas respostas, sabe-se muito acerca de uma pessoa através deles. Nas suas respostas a Isabel é mãe e mulher. Eu sou apenas filha.

Boa noite!

BC disse...

Boa noite Teresa,
Fiquei a pensar no que me isse e afligiu-me, claro que não é só filha, é mãe, é avó, é mulher.
Mulher acima de tudo, porque para sermos todas essas coisas temos antes de tudo que sermos "MULHERES".
Pode estar a passar uma fase não tão boa, mas nunca se esqueça que o nosso papel é fumndamental, não podemos deixar-nos ir abaixo OK?
Beijinhos e uma boa noite, somhe com os anjos.
Isabel