sexta-feira, 20 de junho de 2008

A minha reportagem

Outros virão

Mas 2008 NÃO

Nem esta selecção

E Portugal chora

Com uma bandeira na mão

Colada ao coração

de vinte e três

Tornaram-se milhões

E o verde e o vermelho

Tornaram-se cores presentes

Pintaram Portugal

Juntos rimos, juntos chorámos

Foram horas de alegria

Que em poucos minutos

Se tornaram desilusão

Mas somos portugueses

E Portugal continua

O seu fado

No nosso coração

Continuamos a ser uma Nação

Isabel Cabral

Pensei muito antes de escrever isto, mas Portugal, Portugal também é isto, faz parte de nós.

Deixámos todos os problemas um pouco de parte e fomos ver a Nossa Selecção.

PERDEMOS MAS A VIDA CONTINUA, E ISSO É QUE TEMOS QUE PERCEBER EXISTEM

COISAS IMPORTANTES À NOSSA ESPERA.

HOJE JÁ É OUTRO DIA, O ONTEM FICOU PARA TRÁS

10 comentários:

Carmo Cruz disse...

Querida Isabel, só gosto de futebol em África. Não a ver o jogo, mas a ouvir os comentários dos Moçambicanos e dos Angolanos quando Portugal joga: "Nós até os comemos!", Vai ser uma cabazada", "é trigo limpo, farinha Amparo", etc. O que sinto nesse momento cobre tanta mágoa de outros feitos! Mas perdeu, pronto. Só quem mete golos é que ganha e o tempo das vitórias morais já não aquece ninguém, nem nunca deveria ter aquecido. Daqui a uns tempos há mais... A Terrsa, coitada, é que deve estar infeliz. Vou visitá.la agora... Um beijinho, Avó Pirueta

Teresa disse...

ESTOU DESFEITA!

Raul Martins disse...

Temos os pés no chão, não temos? Claro! Portugal também é isto.
E o importante é continuarmos o caminho... continuarmos a ser Nação.
.
Parabéns pelo texto. Gostei.
.
Carpe diem!

Girafa cor de rosa disse...

Olá amiga! Eu até acho que Portugal jogou bem particularmente naqueles minutos finais! Mas, tenho que te dizer aquilo q perguntaste lá no meu cantinho..como publicar e-mails, eu faço assim: copio o texto do e-mail e colo em "nova mensagem", s não conseguires de outra forma faz: crtl "c" (para copiar) e ctrl "v" para colar. Será q me fiz entender? se não diz que eu explico de outra maneira. Beijocas. Bom fim de semana.

Teresa disse...

Quero deixar duas palavrinhas antes da Isabel partir para o Alentejo.
Cheguei agora a casa depois de ouvir um excelente concerto do meu querido Bach - ele nao tem culpa de ser alemao.
Nao é o futebol que está em questao, mas PORTUGAL!
Esta tarde andei na blogosfera para ver se havia outros portugueses tao tristes como eu. Entao encontrei uma frase que ainda me pos mais triste do que a própria derrota:
"Nós somos um país de desgracados"!
É a opiniao dos portugueses daí?
Fiquei arrepiada!

Tenha uns dias felizes no Alentejo, parte de Portugal, que nao conheco.

Bj******

BC disse...

Olá Teresa!
Ainda está muito triste?
"Se nós somos um país de desgraçados",não ouvi, mas hoje já ouvi muita coisa que me desgostou, especialmente a incoerência das pessoas.
Um dia, somos hérois, no outro..."
A tal força da palavra de que eu ontem falei, parece que até estava a adivinhar.
É TRISTE, MAS TAMBÉM ME CHATEEI AQUI COM O MEU FILHO AO OUVIR ALGUMAS COISAS.
QUANDO CORRE BEM SOMOS TODOS BONS,
QUANDO CORRE MAL SOMOS....venha o diabo e escolha o adjectivo.
Mas, não é só o "povo", são as televisões, são os comentadores, etc...
Aconteça o que acontecer, eu accho isso muito sujo, não podemos pôr as
pessoas um dia num pedestal e no outro derrubá-lo.
Somos humanos, falhamos, uns dias as coisas correm bem, no outro correm mal.
Mas é sempre assim os portugueses juntam-se nas causas mais nobres,
"vestem a camisola, mas também a despem com a maior das facilidades,
isto é verdade.
Há que mudar mentalidades!!!!
Não sei se de alguma forma tentei responder à sue pergunta.
BEIJOS

BC disse...

Olá girafinha, obrigada pela tua ajuda,mas não consigo perceber, ou melhor os videos passam mas depois dá-me sempre um erro.
Quando é para colar o "colar"apare-
ce sem côr e quando clico não dá nada, mas agora nas férias alguém
me vai ter que ajudar, agora com mais calma e tempo.
Aliás a Fátima André tb. já me disse o mesmo, mas não dá nada.
Tem que ser ao pé e mim e eu a ver fazer,só aprendo a fazer.
De qualquer modo muito obrigada pela ajuda.
Tenho imensa coisa que me enviam que seria interressante postar e não o posso fazer pois não consigo
mas lá chegarei porque nestass coisas sou treimosa.
Obrigada e beijinhos
Bom fim de semana

f@ disse...

Embrulhamo-nos nas bandeiras e sonhamos com o próximo... sempre porque a bola é redonda... mas às vezes tem bicos... beijinhos das nuvens

Viviana disse...

Olá Isabel,

È verdade!

Portugal hoje acordou triste.

Mas como diz a Isabel, hoje é outro dia.
Engraçado que eu disse isso aos meus cerca de 70 amigos a quem envio um e-mail todas as manhãs.

Imginei como eles deveriam estar desapontados...e tentei encorajá-los.

Como povo... é tal qual a Isabel diz!

Não consigo entender o que é que se passa connosco.
Não saímos deste triste péssimismo
e deste triste maldizer...

Bom, mas daqui a uns dias creio que isto vai passar e o pessoal jã vai andar por aí mais bem disposto.

Então vai para a sua bela casinha do Alentejo?

Que inveja!

Então vá e aproveite bem.

Eu sei que vai aproveitar.

Sei qu á noite vai sentar-se á beira - mar e olhar as estrelas cintilando lá em cima.

Eu continuo a olhar toas as noites a estrela Isabel que se vem colocar todas as noites bem aqui por cima da minha janela.

Um grande abraço

Vá e volte em bem
Viviana

Storinha disse...

Fizeram o que puderam... mas são um símbolo que por momentos nos fizeram ter orgulho no nosso país, vibrar por ele, e querer mais. Mas não correu bem, não é por isso que o mundo desaba nem que a Selecção deixa de ter o seu valor. Por alguns dias esquecemos a crise, as avaliações, os combustiveis, etc... e sonhámos. É isso que temos que pensar...
Agora... vamos prá frente que atrás vem gente!!!
Beijinho