sexta-feira, 23 de maio de 2008

Vou ser feliz porque....


A beleza da vida está precisamente nas coisas belas e simples que ela encerra.

Ao pegar neste texto que já estava em meu poder há já algum tempo, vi precisamente essas coisas que me fascinam nas pessoas: Beleza, Pureza, Ingenuidade, Simplicidade....

Mas vi principalmente um grande "QUERER" um grande "ACREDITAR".

A Beatriz (nome fictício) de 16 anos escreveu-o com toda essa força de "ACREDITAR"
Hoje, aqui sentada, enquanto oiço música, vou pensando no que me tem acontecido.
Entre sonhos e desilusões, entre elogios e tristezas, vejo
o tempo a passar, sem o poder aproveitar. O que posso eu fazer?
Não quero desperdiçar a vida, ela é curta demais para ser desperdiçada.
Como me disse uma vez uma pessoa "aproveita a vida, não deixes
que ela te passe ao lado".
É sobre isso em que tanto tenho pensado.
É em relação a isso que quero tomar uma atitude, uma atitude
de mudança.
Muitas vezes já pensei e a nenhuma conclusão cheguei, mas hoje,
hoje sinto que é diferente. Sinto que tudo está diferente
em mim. Sinto-me forte, com vontade de viver e de acreditar.
Sinto-me menos frágil, menos fraca.
Hoje sinto-me bem, pois aprendi a "ACREDITAR".
Aprendi que sem acreditar não vou a lado nenhum.
Sem ter confiança em mim, não alcanço nada, pois se eu não
acreditar nas minhas capacidades, quem acreditará?
Hoje sei a resposta: ninguém acreditará! Tenho que ser eu a primeira
a "QUERER" "ACREDITAR".
Apesar de já ter deixado escapar muitas oportunidades, apesar
de já ter deixado escapar muito tempo de vida, momentos
que podiam ter sido tão bons, não o foram, momentos péssimos
que podia tê-los tornado melhores! Mas não o fiz.
Deixo aqui escrito, que a partir de agora, vou acreditar em mim,
vou acreditar nas minhas capacidades, e acima de tudo,
"VOU SER FELIZ",
Vou ser feliz, porque já chega de ser infeliz.
"VOU SER FELIZ",
porque acima de tudo, mereço ser feliz.
"VOU SER FELIZ PORQUE QUERO SER FELIZ"!
BEATRIZ
Obrigada "Beatriz", pelo teu testemunho, e como eu te conheço, tu sabes que te admiro e a menina linda que és "EU ACREDITO QUE TU SÓ PODES SER FELIZ"

13 comentários:

Fátima André disse...

Antes de partir, ainda vim dizer que ACREDITO que todo o SER HUMANO pode ser FELIZ!
Mas não basta ACREDITAR, há que CONSTRUIR E ALIMENTAR essa Felicidade, dia após dia. Exige muito esforço, dedicação, trabalho, mas, sobretudo, muito AMOR em tudo o que se faz, profere, escreve...
Não descuidem... e sejam muito FELIZES!
:)

Viviana disse...

Ola Isabel,

Mais uma vez nos proporciona um belo texto que nos toca, e faz pensar e reflectir.

È verdade! Podemos, e decerto aconteceu, ter perdido muito tempo.

È pena! Muita pena!

Mas não é o fim!

Há sempre a possibilidade de recomeçar,de tentar novamente, de arriscar.

Enquanto restar um dia de vida... podemos e devemos sempre ser capazesde de inverter o caminho e fazer com que os nossos sonhos se realizem e nos ajudem a experimentar a felicidade.

tenha um dia cheio de afectos e carinhos

um abraço

viviana

BC disse...

Boa Viagem Fátima!
É preciso ACREDITAR,mas é claro que pela vida fora temos que ir alimentando todos esses sentimentos bonitos que moram dentre de nós!!!
os meus :)s

Marta disse...

Um texto forte, cheio de esperança...
Temos que acreditar, sobretudo em nós...O que se perdeu, perdeu-se, mas às vezes, ganha-se outras coisas tão essenciais e tão importantes...
Espero que não te importes - fiz o link para o meu blog. Ah, sim, apareça na 2ª Feira...
Beijos e abraços
Marta

BC disse...

Concordo consigo Viviana.Estamos sempre a tempo de recuperar o tempo
perdido, mas como diz a Beatriz é preciso "ACREDITAR" e ela acredita,
como adolescente terá muito tempo!!!
Um beijinho para si

BC disse...

É verdade é um texto muito forte,mas com uma simplicidade e uma pureza muito grande, por isso gostei dele.
Quanto ao link não me importo nada.
Na segunda -feira lá passarei.
Bom fim de semana
Sorrisos e um beijinho Marta

Multiolhares disse...

é tão bom ver adolescentes
com essa força de vida, que sabem traçar o seu destino
beijinhos

gaivota disse...

penso que deveríamos continuar a acreditar sempre!, mesmo nos momentos em que as traições marcam lugar intensamente
podermos sentir-nos adolescentes, e com força para vencer, seria gratifcante modo de vida!
beijinhos

BC disse...

Devemos essencialmente sentirmo-nos
sempre crianças, porque mesmo que o
não sejamos, existe sempre um pouco de criança em cada um de nós!!!
Beijo

Raul Martins disse...

Quando acreditamos em nós, nada nos faz parar.
Obrigado pela partilha deste texto da "fictícia" Beatriz. Ela somos todos nós que em cada dia devemos tornar esta crença num decreto a realizar desde o nascer do sol até que ele recolha para o seu descanso.
Carpe diem!

BC disse...

Boa noite Raul!
A fictícia Beatriz existe mesmo(só que não quis o nome verdadeiro aqui, o que eu respeitei) mas de facto pode ser qualquer um de nós.
Todos procuramos a felicidade e queremos acreditar que podemos ser felizes, basta querer basta acreditar!!!
Carpe diem!

Carmo Cruz disse...

Para a Beatriz que existe por detrás da Beatriz fictícia, para todas as Beatrizes que existem em nós e que eu desejo vivam sempre como tal, nem que seja aos bocadinhos, permitam-me que repita o comentário que acabo de deixar à Fátima. Com um abraço especial, de "Mais Velha", para a Beatriz mesmo, a verdadeira.
"Fátima Querida, há tantas maneiras de Amar que só não ama quem não se ama! Há tantas maneiras de ser feliz, que só não é feliz quem quer uma felicidade só para si, feita à sua medida! Porque, se formos ver o resto da carta de S. Paulo aos Coríntios, a partir do excerto que o Raul do Sorriso Imenso deixou a comentar o belíssimo texto do Existente Instante, veremos uma verdadeira descrição do Amor. Sobre isso, falarei no meu blogue em breve. Ando muito ocupada, mal posso ir visitar-vos todos os dias. Um beijo da Carmo para todos os que compõem a minha Caixinha de Afectos

BC disse...

Obrigada Carmo pelas suas palavras.
Já a manhã vai longa e só agora vim
aqui,vou dar uma espreitadela pela outras casas.
Provavelmente vou até ao Alentejo com a familia passar um pouco deste fim de semana chuvoso.
Um beijo para si e o meu sorriso